sábado, 30 de abril de 2011

Voz da Assembleia de Deus - 30/04/2011 - Rede Boas Novas



FALTAM APENAS 32 DIAS PARA CELEBRARMOS O CENTENÁRIO DAS ASSEMBLEIA DE DEUS NO BRASIL; NO BELEM DO PARÁ, ONDE TUDO COMEÇOU. ABRAÇOS A TODOS E ATÉ LÁ.

sexta-feira, 29 de abril de 2011

AMIGOS E COMPANHEIROS

OLÁ NOBRES COLEGAS E COMPANHEIROS DE MINISTÉRIO; ESTAREI NA CIDADE DO VALE DO ANARI (DOMINGO PRÓXIMO) MINISTRANDO A PALAVRA DE DEUS DIA 01 DE MAIO/011; GRANDE CONGRESSO DE MOCIDADE. MEU CONTATO 92244161 ferreirabrito.mauricio@gmail.com; ferreirabritomauricio@hotmail.com.

quinta-feira, 28 de abril de 2011

SUBSÍDIO DA LIÇÃO BIBLICA

Texto Básico 1º Co. 12.7


“Mas A Manifestação Do Espirito É Dada A Cada Um Para O Que For Útil”
14-Tema: Os Dons Espirituais, é Para Os Crentes

Os Dons Espirituais (1º Co. 12.8-10)

Os Dons De Inspiração(1co.12.8,10) São também chamados de “Dons de Saber” Que também são chamados de “Dons de Revelação”
01º- Dom da Palavra da Sabedoria- Trata-se de uma mensagem vocal sabia dirigida pelo Espirito Santo, para resolução dos problemas adivindos.

Exemplo Bíblico

Estevão At.6.10; Tiago At.15.13-21; Salomão 1Rs.3.8;4.29,30
José Gn.41.38-39; Josué  Dt.34.9
02º- Dom da Palavra da Ciência- e também chamado de palavra do Conhecimento, Trata-se de uma mensagem vocal, inspirada pelo Espirito Santos, revelando o propósito de Deus, e o conhecimento a respeito de pessoas
Exemplo Bíblico
Bezaliel Ex.31.3;
Jovens Hebreus  Dn.1.4;
Paulo At. 20.23
03º- Dom de Discernir os Espíritos-  É Uma Manifestação Sobrenatural Do Espirito Para Discernir E Julgar Corretamente As Profecias E Distinguir Se Uma Mensagem Provem Do Espirito Santo Ou Não (Esse Dom E Importante Para A Igreja Hoje)
Exemplo Bíblico
Pedro At.5.9-10- é o mesmo Dom de Revelação Pedro At.8.18-24; Paulo At.13.8-12; 16.16-18; Aías, 1Rs.14.1,2,4,6; Elizeu 2Rs.6.12; Paulo At.13.6-12
A Fonte De Inspiração Podem Ser:
1º Divina At.15.32
2º Humana Ez.13.2,3
3º Diabólica 1Rs.22.19-24 Jr.23.13
Os Espíritos Podem Ser de:
Mentira At.5.3 Ap.21.27
Apostasia 2Ts.2.3 2Co.6.17
Traição 2Sm3.27
Ciúme Nm.11.29
Falsidade Mt.7.15
Prostituição  Os.5.4
Demônios Mt.17.21
Adivinhação At.16.16-18
Enfermidade Lc.13.10-16
10º Luxuria Oséias 4.12
Os Dons De Poder
01º- Dom da Fé- Não se trata aqui de fé para salvação, mas uma fé sobrenatural e especial comunicada pelo Espirito Santo, e capacitando o crente a crer em Deus para realização de coisas extraordinária e milagrosas basicamente a três tipos de fé.
Fé Natural- Acreditar em apenas saber que ele existem
Fé Salvadora- Crer em Deus para nossa Salvação Ef.2.8
Fé como Dom- Fe para realização de Milagres
Objetivo Do Dom Da Fé
Glorificar o nome de Jesus Cristo Sl.89.5
  Expandir o Reino de Deus
  Fortalecer a Fé do Povo de Deus (Crentes)
Exemplo Bíblico
O Centurião Mt.8.5-13;
M mulher cananeia Mt.15.22-28; Pedro At.3.1-8
02º- Dons de Curar-1Co.12.9 
Esses dons são concedidos à igreja para a restauração da saúde física, o plural “DONS”  indica cura de diferentes enfermidades, ou seja cada ato de cura vem de um Dom especial de Deus .
Exemplo Bíblico
Pedro At.3.6-9; At.9.33-35;
03º- Dom de Operação de Maravilha- Trata-se de atos sobrenaturais de poder, que intervêm nas leis da natureza
Exemplo Bíblico
Ressurreição de Dorca At.9.36-41
Dons De Elocução
01º- Dom de Profecia- 1Co.14.1
Trata-se De Um Dom Que Capacita O Crente De Transmitir Uma Palavra Ou Uma Revelação Diretamente De Deus Sob O Impulso Do Espirito Santo (Edificação, Exortação Consolação)
Qual O Propósito Do Dom De Profecia?
1º Ele Tem Um Propósito  Tríplice  1Co.14.3
1º Edificação- Firmeza Em Continuar A Seguir A Cristo 2Pd.2.5, Fortalecer Promover Vida Espiritual
2º Exortação- Despertamento e Fortalecimento na fé
3º Consolação- Animar O Crente Dt.31.8
2º O Seu Propósito e Duplo
A Profecia É Um Sinal Para Os Incrédulos 1Co.14.22-25
Línguas Estranha É Um Sinal Para Os Crentes

terça-feira, 26 de abril de 2011

JA TENHO OS MEUS CANDIDATOS PARA 2013


JÁ TENHO OS MEUS CANDIDATOS
Em Dois mil e treze (2013) será a eleição da CGADB, a nossa convenção, esta ainda muito longe, mas, já tenho os meus candidatos; pois, bem depois da celebração do duplo CENTENÁRIO, a nossa igreja será outra, mudança para melhor sempre é bem vinda. Porém, já tenho os meus candidatos, e estão enumerados abaixo:


Abraão: ( O patriarca da fé)
O meu candidato a presidente é o patriarca da fé; jamais ouve na historia bíblica alguém que possuísse mais fé que Abraão. No entanto, quando investigamos, cuidadosamente a história de Abraão iremos perceber que, ele cambaleou na fé como diz o renomado pastor Elienai Cabral. Isso significa dizer que não existem fé perfeita; temos que aprender que somos seres humanos; e como seres humanos estamos sujeitos a falhas. Se queremos um presidente perfeito para CGADB; teremos que procurar em outros planetas, porque na terra dos viventes mortais que moramos, os homens sempre terão falhas e cometerão erros, isso é normal aos seres humanos. Errar é normal, pecar não.

Davi: (O grande estrategista de Guerra)
Para ocupar o Cargo de Primeiro secretario eu voto em Davi. È o líder mais promissor de todos. A o estudar os primeiros anos do ministério de Davi iremos encontra um homem perfeito. Mas posteriormente iremos descobrir que ele envolveu-se em um relacionamento extraconjugal com a mulher de um oficial do exercito. (E aí colega ele serve ou não para exercer a secretaria da CGADB?) Sofreu amargamente por cometer esse ato friamente calculado; posteriormente foi perdoado e restaurado.

Salomão: (Homem de grande sabedoria)
Foi um excelente pregador e tem uma coleção enorme de provérbios que ele mesmo criou, além disso era filosofo, foi o primeiro a ter idéia acerca de filosofia, era botânico e escritor. No entanto, o palácio real não foi grande suficiente  para abrigar todas as suas mulheres e concubinas.

José: (Grande Governador do Egito)
Foi preso injustamente, grande sonhador com revelações espetaculares, um grande estadista, com visão do reino de Deus, perdoador, não vingativo. Viveu uma boa parte de sua vida na escravidão, isso lhe engrandeceu a ponto de vir a ser governador do Egito. Essa faz parte também da minha lista de quem eu voto, esse pode ocupar o cargo de tesoureiro; com certeza ele esta preparado para exercer essa função.

Jonas: (Recusou a ordem divina)
Jonas recusou a ordem divina, para ir pregar em terra violenta, mas teve que obedecer após ser ingerido por um grande animal marinho. Na verdade, Jonas era péssimo que nem o animal marinho quis como alimento e o vomitou numa praia. Será que é viável colocar Jonas na minha lista de votação? Não sei! Será que poderia ocupar um cargo menos relevante? Não sei! Talvez sim. Você votaria em Jonas para o conselho fiscal? Com a palavra os meus amigos leitores desse humilde blog.

Paulo: (Pregador dos gentios)
Meu líder preferido, nesse eu voto de olhos fechado. Homem valente e sereno, dócil e enérgico, impaciente com os errantes, mas, fiel no trato na palavra e na perseverança. Prega até tarde da noite.  Além disso, sofre de um problema de visão que o incapacita até para escrever. Inteligente fugiu da cidade por um cesto; tem que fugir das astúcias de satanás. Mas, ele como crente morou por muito tempo na casa de Públio, um conhecido homem pagão, na ilha de Malta, no Mediterrâneo. O problema para nós assembleianos é que ele é solteiro!. Sendo solteiro ele não deve ocupar cargos eclesiástico.


Amós: (Homem simples e do campo)
Para presidir a minha convenção não precisa, ser homem letrado que mora nos grandes centros urbanos; como Paris, Nova Iorque, Londres, São Paulo etc. Eu votaria em um agricultor, honrosamente por ser agricultor; eu voto em Amós por a sua formação de homem do campo, não que ele tenha uma mentalidade estreita. Ele tem uma longa experiência de cuidar de gado; e de colher frutos agrícolas, isso é que me motiva a votar nele. Muitos acham que eu estou errado e que Amós é antiquado, e que hoje os tempos mudaram; para este eu respondo: “Os tempos mudaram, sim; concordo, mas, as leis de Deus não”

segunda-feira, 25 de abril de 2011

JEREMIAS DO COUTO, GRANDE ESCRITOR

PASTOR JEREMIAS DO COUTO UM PATRIMONIO DA ASSEMBLEIA DE DEUS NO BRASIL; TEM CONTRIBUIDO MUITO COM SEUS ARTIGOS, LIVROS E LIÇÕES BIBLICA PARA O CRESCIMENTO DO POVO EVANGÉLICO PRINCIPALEMNTE OS ASSEMBLEIANOS. 

domingo, 24 de abril de 2011

O MUSICO

A paz do Senhor!
Peço licença para falar à vocês como músico.
Sou evangélico há mais de 40 anos, membro ativo da Assembléia de Deus e atualmente integro a equipe de músicos da Assembléia de Deus em Urupá, onde toco teclados.
Um dos departamentos mais espinhosos que existe na igreja é o da música, pois é onde o inimigo trabalha para que seja sempre uma derrota, mas quais as razões desse fato?
Podemos julgar algumas razões, como:
1) É a base principal do culto racional
Muitos cristãos acham que a base principal de um culto racional é, primeiro A Palavra de Deus e segundo a oração, porém estão enganados.
Paulo disse aos I Coríntios 14.26 Que fareis, pois, irmãos? Quando vos ajuntais, cada um de vós tem salmo, tem doutrina, tem revelação, tem língua, tem interpretação. Faça-se tudo para edificação.
Salmos ou Tehilim( do hebraico תהילים, Louvores) uma forma de conto exaustivamente praticado desde a antiguidade e relatado na Bíblia Sagrada principalmente por (Salmista) Davi.
Culto racional é o nome que se dá à uma cerimônia religiosa tipicamente cristã, que denota uma organização, a ordem como as coisas acontecem seguindo uma razão de ser.
O louvor na igreja, embora muitos líderes e cristãos ignoram é a parte mais importante do culto pois é quando temos a oportunidade de louvar, engrandecer, exaltar a criação e a soberania de Deus, já A Palavra (nem por isso menos importante) é o resultado de um louvor alicerçado, é o resultado do sacrifício, da oferta do louvor, portanto não pode ser relegado à um terceiro plano muito menos ignorado pelos demais ministérios.
Um louvor mal feito abre brechas para o mundanismo, para o secularismo, o modismo, maus costumes e, inevitavelmente para o pecado se alojar no seio da igreja.
Já imaginou se o pastor dá oportunidade para um grupo que se autointitula grupo "gospel" (que é muito confundido com "evangélico") e o tal grupo apresenta um canto de umbanda, como o axé, ou um secular como rock-in-roll ou (como acontece muito) um forró durante o culto?
Deus se agrada disso? Temos que analisar a história de cada costume e sob a ótica da Bíblia decidir se esse ou aquele fato pode ser inserido no contexto do culto racional, sem exageros, sem radicalismo, mas seriamente.
Um louvor deve ter texto e contexto, deve se analisar a letra, a música (melodia, harmonia e ritmo) e o estilo musical, entre outros fatores.
Mas como dar oportunidade aos músicos sem que o elo do culto racional seja quebrado?
Com decência e com ordem, sobretudo com amor, o músico pode ser instruído à seguir as doutrinas da Bíblia Sagrada e cumprir as normas da igreja.
A liderança deve se preocupar com a qualidade da música na igreja, ministrando cursos, palestras, ensinamento específico sobre o assunto e buscando melhorar o convívio do músico, fazendo com que ele saiba que é um ministério o que exerce na igreja e que tem muita responsabilidade como cooperador e não um mero "tocador".
A igreja deve investir em bons instrumentos, dedicar um espaço cômodo para que os músicos exerçam suas atividades na igreja, se sintam valorizados e respeitados por isso.
A igreja deve estimular o uso dos músicos e seus instrumentos, dedicando culto especial sem o uso de artifícios como "playback" que são criados em estúdios, cheio de alterações, nem se sabe quais tipos de pessoas criaram e executaram essas músicas, na maioria das vezes são profissionais que não têm compromisso com Deus e com a cristandade.
A igreja deve investir também no conhecimento de seus músicos, incentivando-os e até ajudando financeiramente no aprendizado da música e exercício musical.
Os que cantam também são músicos, devem criar uma rotina de melhoria para apresentar o melhor dele para Deus e não apenas cantar.
Já presenciei irmãos bem intencionados cantarem com playbacks e apresentarem um louvor que além de humilhante para ele, são verdadeiras "pérolas" que não agradam quem ouve, fere os ouvidos dos irmãos porque a confecção de um playback é baseado na entonação do cantor, na afinação que ele suporta e não para o público geral e no final da apresentação só restar dar glórias à Deus e pedir misericórdia.
Você é líder? Gostaria de ter um louvor com compromisso na sua igreja? Gostaria de receber uma palavra de Deus? Alicerce o culto racional, dê oportunidade aos músicos, porém faça o papel do líder, tenha o controle da situação.
Abraços e que Deus abençoe nossa liderança!

Autor:
José Ferreira Neto
Analista de Sistemas e Suporte de Informática
Desenvolvimento web, segurança e administração de redes
Músico cristão membro da AD.

sábado, 23 de abril de 2011

Voz da Assembleia de Deus - 23/04/2011 - Rede Boas Novas


A IGREJA ASSEMBLEIA DE DEUS NO DIA 18 DE JUNHO 2011 COMPLETARÁ CEM ANOS; ONDE TEVE A SUA ORIGEM NO BELEM DO PARA; NÃO TEM COMO MUNDAR A HISTORIA DE NOSSA IGREJA; OCULTANDO A ORIGEM DELA NO BRASIL. ASSISTA O VIDEO.

O VALE DOS OSSOS SECOS

Pela bondade de Deus tive a honrosa oportunidade de pregar mais uma poderosa mensagem da palavra de Deus, no tema esboçado abaixo. Meu fone de contato é 92244161 - ferreirabrito.mauricio@gmail.com.


TEMA: O VALE DOS OSSOS SECOS
Ez.37.1 Veio sobre mim a mão do SENHOR; e o SENHOR me levou em espírito, e me pôs no meio de um vale que estava cheio de ossos,
Ez.37.2 e me fez andar ao redor deles; e eis que eram mui numerosos sobre a face do vale e estavam sequíssimos.
Ez.37.3 E me disse: Filho do homem, poderão viver estes ossos? E eu disse: Senhor JEOVÁ, tu o sabes.
Ez.37.4 Então, me disse: Profetiza sobre estes ossos e dize-lhes: Ossos secos, ouvi a palavra do SENHOR.
Ez.37.5 Assim diz o Senhor JEOVÁ a estes ossos: Eis que farei entrar em vós o espírito, e vivereis.
Ez.37.6 E porei nervos sobre vós, e farei crescer carne sobre vós, e sobre vós estenderei pele, e porei em vós o espírito, e vivereis, e sabereis que eu sou o SENHOR.
Ez.37.7  Então, profetizei como se me deu ordem; e houve um ruído, enquanto eu profetizava; e eis que se fez um reboliço, e os ossos se juntaram, cada osso ao seu osso.
Ez.37.8 E olhei, e eis que vieram nervos sobre eles, e cresceu a carne, e estendeu-se a pele sobre eles por cima; mas não havia neles espírito.
Ez.37.9 E ele me disse: Profetiza ao espírito, profetiza, ó filho do homem, e dize ao espírito: Assim diz o Senhor JEOVÁ: Vem dos quatro ventos, ó espírito, e assopra sobre estes mortos, para que vivam.
Ez.37.10 E profetizei como ele me deu ordem; então, o espírito entrou neles, e viveram e se puseram em pé, um exército grande em extremo.
Ez.37.11  Então, me disse: Filho do homem, estes ossos são toda a casa de Israel; eis que dizem: Os nossos ossos se secaram, e pereceu a nossa esperança; nós estamos cortados.
Ez.37.12 Portanto, profetiza e dize-lhes: Assim diz o Senhor JEOVÁ: Eis que eu abrirei as vossas sepulturas, e vos farei sair das vossas sepulturas, ó povo meu, e vos trarei à terra de Israel.
Ez.37.13 E sabereis que eu sou o SENHOR, quando eu abrir as vossas sepulturas e vos fizer sair das vossas sepulturas, ó povo meu.
Ez.37.14 E porei em vós o meu Espírito, e vivereis, e vos porei na vossa terra, e sabereis que eu, o SENHOR, disse isso e o fiz, diz o SENHOR.

E AGORA PASTOR? HOMOSSEXUALISMO É PECADO?

E agora PASTOR? Homossexualismo é pecado ?

E agora PASTOR?

Qual será a sua postura neste desafio do Final dos Tempos?

O pastor Joel Osteen da considerada, a maior igreja de Houston, Texas, foi entrevistado por Piers Morgan da CNN em um programa de TV, com a pergunta: É um pecado a homossexualidade?

Apesar de evitar desde o ano de 1999, quando assumiu o púlpito, concentrar-se no pecado - afirmação do pastor e líder evangélico Albert Mohler, que chegaria o momento em que de forma frontal, teria que assumir o desafio diante deste tema, e a sua resposta foi: Sim. Sempre tenho acreditado desta maneira. A escritura diz que é pecado.

Esta declaração foi recebida como uma agressão aos integrantes da HETEROFOBIA, ou como uma proposta irrecusável aos que odeiam a prosmicuidade e a nova direção tomada por alguns da sociedade em seus deleites contrários à Palavra de Deus.

O HOMOSSEXUALISMO é condenado pela PALAVRA DE DEUS. Não há outro argumento contrário a esta afirmação. Não há uma sequer!

Portanto, o momento é de denúncia, com respeito as pessoas, mas firmes com as regras consistentes da PALAVRA DE DEUS. Não e Não! Não podemos aceitar os argumentos equivocados da peregrinação dos eventos gays, em uma tentativa de desmantelar uma sociedade correta e seguinte ao normal: HOMEM E MULHER.

Existe uma direção a ser tomada pela igreja, o quanto antes, pois a perseguição está às portas. Muitos se acovardarão diante deste momento tão trágico que se concretiza bem aos nossos olhos.

I Coríntios 6:10: Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus.

Levíticos 20:13: Quando também um homem se deitar com outro homem, como com mulher, ambos fizeram abominação; certamente morrerão; o seu sangue será sobre eles.

Maranata!

FONTE: http://www.pastornewton.com/2011/04/e-agora-pastor-homossexualismo-e-pecado.html

sexta-feira, 22 de abril de 2011

CHALITA DE GALHO EM GALHO CHEGA LÁ

Chalita será candidato do PMDB para prefeitura de SP


Nome do deputado federal foi confirmado pelo vice-presidente Michel Temer

 
Gabriel Chalita é deputado federal por SP (Fábio Guinalz/Fotoarena)
Está confirmado: Gabriel Chalita será candidato à prefeitura de São Paulo em 2012 pelo PMDB. Para isso, o segundo deputado federal mais votado do estado já estaria encaminhando sua saída do PSB e sua transferência de partido deve ocorrer a partir de maio. A informação foi divulgada nesta sexta-feira pelo vice-presidente Michel Temer.
O convite oficial a Chalita havia sido feito no último dia 6. "Vamos viabilizar uma candidatura forte, com um nome que represente o momento de reconstrução do PMDB em São Paulo", destacou o presidente do PMDB de São Paulo, deputado estadual Baleia Rossi na ocasião, quando o deputado pediu um tempo para analisar a proposta.
O objetivo do PMDB em São Paulo é eleger pelo menos 100 prefeitos em 2012. Em reunião da executiva estadual do partido em março, os caciques da sigla decidiram que todos os diretórios municipais serão obrigados a lançar candidatos a prefeito ou vice-prefeito.

COMENTA PR MAURICIO BRITO
o professor Chalita, que era até então, um professor desconhecido em São Paulo, foi promovido pelo PSDB, a secretario de educação nos governos do PSDB; depois se achou tão grande e importante, que virou o prato que comeu, saindo do PSDB e filiando ao PSB, o qual foi eleito a deputado federal por São Paulo, mas, a sede pelo poder e tanta que ja conjita sair do PSB e ir par ao PMDB para ser candidato a aprefeitura de São Paulo. a Ingratidão tem levado muita gene a FALENCIA.

quinta-feira, 21 de abril de 2011

SUBSÍDIO DA LIÇÃO 04 DE 24 DE ABRIL DE 2011

ESPÍRITO SANTO AGENTE CAPACITADOR DA OBRA DE DEUS.


a) Ele perscruta (ICo.2:10).
b) Ele fala (Ap.2:7; Gl.4:6; Jo.15:26).
c) Ele intercede (Rm.8:26).
d) Ele ensina (Jo.14:26).
e) Ele guia (Jo.16:12-14; Ne.9:20).
f) Ele chama (At.13:2;20:28).
A Divindade do Espírito Santo: O Espírito Santo é coeterno e consubstancial com o Pai e o Filho.
1) Nomes Divinos: a) Deus (At.5:3,4).
b) Senhor (IICo.3:18).
2) Atributos Divinos: a) Eternidade (Hb.9:14).
b) Onipresença (Sl.139:7-10).
c) Onipotência (Lc.1:35).
d) Onisciência (ICo.2:10,11).

A OBRA DO ESPÍRITO SANTO: Em relação ao universo material: Ele participou da obra da criação (Sl.33:6; Jó 33:4;104:29,30).
Em relação aos homens não regenerados:
1) Luta (Gn.6:3).
2) Testifica (Jo.15:26; At.5:32).
3) Convence (Jo.16:8-11).
Em relação aos crentes: 1) Regenera (Jo.3:3-6;6:63; Tt.3:5; ICo.2:4;3:6).
2) Batiza (Jo.1:32-34; ICo.12:13; At.1:5).
3) Habita (ICo.3:16;6:15-19; Rm.8:9).
4) Sela (Ef.1:13,14;4:30).
5) Testifica (Rm.8:14,16).
6) Fortalece (Ef.3:16).
7) Enche (Ef.5:18-20).
8) Liberta (Rm.8:2).
9) Guia (Rm.8:14; At.8:27-29;13:2,4).
10) Ilumina (ICo.2:12,14).
11) Instrui (Jo.16:13,14).
12) Capacita (ITs.1:5; At.1:8; ICo.2:1-5).
13) Produz Frutos (Gl.5:22,23; Fp.3:3; At.2:11).
14) Intercede (Rm.8:26; Jd.20).
Em relação a Cristo: 1) Concebido pelo Espirito Santo (Lc.1:35).
2) Ungido pelo Espirito Santo (At.10:38; Is.11:2;61:1;
Lc.4:14,18; Mt.12:17,18).
3) Guiado pelo Espirito Santo (Mt.4:1).
4) Cheio do Espirito Santo (Lc.4:1; Jo.3:34).
5) Ministério (Lc.4:14,18,19; Is.61:1).
6) Sacrifício (Hb.9:14).
7) Ressureição (Rm.8:11; Rm.1:4).
8) Deu mandamentos pelo Espirito Santo (At.1:1,2).
Em relação as Escrituras: 1) É o Seu Autor (IIPe.1:20,21; IITm.3:16; IIPe.3:15,16; Jo.16:13).
2) É o Seu Intérprete (Ef.1:17; ICo.2:9-14; Jo.16:14-16 IIPe.1:20,21; IJo.2:20,27).

O Espírito Santo é uma Pessoa, distinta do Pai e do Filho, e não uma mera influência ou operação divina, e portanto dotado de intelecto, emoção, autoconsciência e autodeterminação.
1) Pronomes Pessoais Masculinos: Estes pronomes são aplicados ao Espirito Santo (Jo.15:26;16:7,8,13,14), muito embora o vocábulo grego Pneuma seja substantivo neutro.
2) Substantivo Masculino: O termo masculino Paraklito é aplicado ao Espirito Santo (Jo.14:16,17) como sendo outro (allon) Consolador igual a Cristo.
3) Características Pessoais: a) Inteligência (ICo.2:10,11; Rm.8:27).
b) Vontade (ICo.12:11).
c) Amor (Rm.15:30).
d) Bondade (Ne.9:20).
e) Tristeza (Ef.4:30; Is.63:10).
4) Atos Pessoais:

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Entrevista exclusiva com Lula - Crise PSDB


O LULA NUNCA TRABALHOU, A VIDA TODA FICOU NAS GARRAS DOS SINDICATOS; FI CONTRA TODOS OS PARTIDOS, PARA ELE SÓ O PT SERIA O PARTIDO IDEAL. COMO ELE MUNDA DE IDÉIA TÃO RAPIDAMENTE; AGORA QUER A UNIÃO DOS PARTIDOS JUNTO AO PT, PARA DERROTAR O PSDB.

KASSAB E SEUS ALOPRADOS

O Brasil ja tem Partidos politicos de mais, não precisamos de mais partido politico, precisamos sim de homens honestos que saibam com responsabilidade administrar o bem público. O PT que em suas origens pregavam a moralidade e a ética, ficamos decpcinados com ele, pios, fez as alianças mais escusas possam existir para ganharem o poder e depois manter-se nele.


terça-feira, 19 de abril de 2011

ARNALDO JABOR COEMNTA A FRASE DE FHC


O artigo que FHC escreveu sobre um possível programa novo para o falecido PSDB caiu na boca maldita do dia a dia, no cafezinho ideológico dos sabotadores e oportunistas. Todos sabem o que ele quis dizer, mas fingem que não, para manter o mito sem vergonha da "herança maldita" que eles conseguiram emplacar, graças à ignorância política do povão, sim. O povão não tem educação política para entender a complexidade de um projeto social democrata, que é o único que pode enxugar os absurdos que incham um Estado falido, mas que os demagogos ainda conseguem enfeitar de "patrimônio nacional". Sempre distorcem o que FHC fala, num permanente desejo de fazê-lo "direitista", neoliberal e outros ridículos xingamentos.
Ele quis dizer que o PSDB não deve continuar surripiando o discurso populista e demagógico do PT, na base de "fome" de um lado e "indigestão" do outro. Disse que o PSDB tem a tarefa de explicar o complexo programa social democrata, para a nova classe média que se forma aqui. Na mesma hora o Lulão, atual showman e palestrante, acusou-o de desprezar o "povão". Um dia, essa mentirada ainda vai ser corrigida pelos historiadores sérios do futuro. Se é que haverá futuro... Mas, eu entendo a cabeça dos comunistas. Não dos picaretas de hoje, mas dos bons e generosos comunas de 30, 40 anos atrás: românticos e corajosos. E iam à luta - não estavam atrás de boquinhas e mensalões.
Ai, que saudades do comunismo... O povão era nossa boa consciência, o povão era nosso salvo-conduto para a alma pacificada, sem culpas - o povão era nossa salvação. O ritmo das coisas tinha a linearidade de um filme acadêmico. Nós, jovens de esquerda, falávamos muito em "luta de classes", mas não conhecíamos ainda a violência da "reação". Acreditávamos em um Papai Noel histórico.
Mas, mesmo assim, como num Amarcord vermelho, eu me lembro com saudade dos anos 60, durante a Guerra Fria... Ah, como era bom se sentir acima dos outros, por superioridade ética. Nós éramos mais "puros", mais poéticos, mais heroicos que os meus colegas da PUC, todos já de gravatinhas adultas.
Eu, não. Eu era comunista. Andava mal vestido, com minha testa alta, barba revolucionária, citando Lenin em francês: "La Liberté, pour quoi faire?" (Liberdade, pra quê?"). Ah... como era bom se sentir superior a um mundo povoado de "burgueses, caretas e babacas", como eu classificava a humanidade. E todo esse charme vinha sem esforço, sem estudar nada; bastava ler um ou outro livrinho da Academia da URSS, decorar meia dúzia de slogans e pronto, eu podia andar com minha camisa de marinheiro aberta ao vento e vagar por Copacabana, olhando em volta a população de "alienados", trabalhando em suas vidas "medíocres".
Ah... que saudades dos amores de esquerda, quando eu cantava as meninas ainda sem a maquiagem burguesa, a quem eu lançava a cantada infalível: "Não seja "pequeno-burguesa" e entra aí no "aparelho", meu bem... Nosso amor também é uma forma de luta contra o imperialismo".
Como nós amávamos os operários, que na época eram o "futuro da humanidade". Nas oficinas do jornal comuna que fazíamos, crivavam-nos de perguntas e agrados, sendo que os ditos operários ficavam desconfiados e pensavam que nós éramos veados e não fervorosos marxistas.
Como me alegrei quando Mao Tsé-tung proibiu Beethoven na "revolução cultural", pensando: "Claro, temos de raspar tudo que a burguesia inventou e começar de novo" - um mundo novo feito de agricultura e homens fardados de cinza, rindo, felizes, unidos pelo futuro do "povão". Tiveram de matar uns 10 milhões de "alienados", mas era para o Bem...
Como era bom ignorar as neuroses pequeno-burguesas de minha mente, pois eu não me sabia melancólico e narcisista; eu era apenas um comunista "saudável" como um cartaz de balé chinês. Amava as reuniões secretas - muito cigarro e a sensação de viver uma missão profunda. As discussões sem fim: "questão de ordem, companheiro!", "o companheiro está numa posição revisionista" ou "a companheira está sendo sectária em não querer dar para mim".
E a beleza de não ter um tostão e pedir dinheiro à mãe ou roubar do paletó do pai (milico "reaça") para comprar Marlboro de contrabando (meu secreto pecado)? Era belo não ter um puto e se orgulhar disso, na convivência dos botequins, olhando os operários bêbedos de pobreza e pensar: "Um dia eles serão "homens totais", "sujeitos da história", enquanto os mendigos vomitavam no meio-fio - gente que eu chamava com desprezo de "lumpens"".
Que saudades. Tudo era possível - bastava convencer o proletariado de que os burgueses malvados, aliados ao latifúndio improdutivo e dominados pelo imperialismo americano eram a causa de seus males. Pronto; aí, os proletários conscientizados tomariam o poder, e tudo seria perfeito e bom. Por isso, eu tenho hoje tanta saudade da generosa burrice que nos assolava.
E depois, quando a barra pesou de 68 em diante, com a dura frieza da era Médici, lembro-me do sentimento de ser uma "vítima" real da ditadura, fugindo da morte, ajudando os reais suicidas que faziam a guerra urbana, achando que iam derrotar o Exército com meia dúzia de revólveres e assaltos a banco. Muitos morreram. E, mesmo na tragédia daqueles dias, senti a delícia dolorida de ser uma vítima "santificada" da violência da direita, e isso me enobrecia, sempre acima dos "babacas, burgueses e caretas".
Um dia, um companheiro (que morreu há pouco...) me disse: "Não tema a morte. Marx disse que somos seres sociais. Assim, o indivíduo é uma ilusão. Para o comunista a morte não existe." E eu sonhei com a vida eterna.
Era bom, era lindo. Por isso, quando vejo as demonstrações de bolchevismo arcaico nos arredores do governo, não me horrorizo, nem reclamo, como fazem esses meus colegas jornalistas "burgueses, neoliberais vendidos aos patrões". Ao contrário, tenho até vontade de chorar pelos bons tempos...

100 ANOS DE HISTÓRIA DAS ASSEMBLEIAS DE DEUS NO BRASIL



MEUS IRMÃOS VAMOS COMEMORAR O CENTENÁRIO DE NOSSA IGREJA, A ASSEMBLÉIA DE DEUS; QUE NO "BRASIL CHEGOU CUIDANDO DA DOUTRINA E TAMBÉM DOS DONS" .

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Acede às minhas imagens, e mais

   
     
 

Carlos Roberto Silva
masculino - 51 anos
Sao Paulo



42   amigos
4   imagens
1   mensagem de blog
    Olá!

Criei um perfil Netlog e queria dar-te (ferreirabrito.mauricio.postar@blogger.com) acesso às minhas imagens mais recentes, e mais.

  Ligar a Carlos Roberto  

Abraço,
Carlos Roberto
 
       
   
  Não se vê bem o botão acima?
Clica aqui, ou cola a ligação abaixo na barra de endereços do teu navegador.
http://pt.netlog.com/go/mailurl/-bT04MjExNDYxOTImbD0xJmdtPTEyJnU9JTJGZ28lMkZyZWdpc3RlciUyRmlkJTNELVptVnljbVZwY21GaWNtbDBieTV0WVhWeWFXTnBieTV3YjNOMFlYSkFZbXh2WjJkbGNpNWpiMjBfJTI2dWlkJTNENDA1NDAxNw__







Não queres receber mais convites dos teus amigos? Clica aqui .
Don't want to receive invitations from your friends anymore? Click here .
Netlog NV/SA - E. Braunplein 18. B-9000 Gent. Belgium.
BE0859635972 - abuse-pt@netlog.com
 
   

ANTROPOLOGIA TEOLÓGICA

O H O M E M
    
“Quem Cria Estabelece o Principio; Ninguém entende mais do homem do que quem o criou, Deus” (Pr. Silas Malafaia)

I - CONCEITO GERAL DE ANTROPOLOGIA
 Sl.144.3-4  SENHOR, que é o homem, para que o conheças, e o filho do homem, para que o estimes? O homem é semelhante à vaidade; os seus dias são como a sombra que passa.

A Antropologia é o estudo do homem como ser biológico, social e cultural. Sendo cada uma destas dimensões por si só muito ampla, portanto, o conhecimento antropológico geralmente é organizado em áreas que indicam uma escolha prévia de certos aspectos a serem estudados como, por exemplo, a “Antropologia Física ou Biológica” que estuda os aspectos genéticos e biológicos do homem, Antropologia Social que estuda a organização social e política, parentesco, instituições sociais, pelas quais o homem ocupa; temos também o ramo da antropologia cultural, que é objeto de estudo dos sistemas simbólicos, religião, comportamento e a cultura do individuo, porém, os ramos não param por aí, por que a Arqueologia também fazem parte da antropologia que estuda as condições de existência dos grupos de seres humanos desaparecidos, e outros que foram adaptados a outra cultura e por fim desapareceram. Além disso, podemos utilizar termos que envolvem Antropologia como: Etnografia e Etnologia e para distinguir diferentes níveis de análise ou tradições dos seres humanos. 
O TEXTO ACIMA FAZ PARTE DO MEU LIVRO ANTROPOLOGIA TEOLÓGICA, PORTANTO, SEMPRE QUE UTILIZÁ-LO NÃO ESQUEÇA DE CITAR A FONTE;

Pr. Samuel Câmara faz denúncia na AGO em Cuiabá

VEJA O PRONUNCIAMENTO DO PR SAMUEL CAMARA, NA 40º AGO DE CUIABA. DEPOIS EU VOLTO COMENTANDO TODOS OS ASPECTOS ÉTICOS E CRISTÃO.

domingo, 17 de abril de 2011

Um pedido especial

PASTOR SILAS MALAFAIA FAZ UM PEDIDO ESPECIAL, ASSISTA O VIDEO ACIMA; DEPOIS RETORNAREMOS A CONVERSA.

sexta-feira, 15 de abril de 2011

O FALAR EM LÍNGUA, SUBSÍDIO DA LIÇÃO BIBLICA 03

O FALAR EM LÍNGUAS


At 2.4 “E todos foram cheios do Espírito Santo e começaram a falar em outras línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem.”

O falar noutras línguas, ou a glossolália (gr. glossais lalo), era entre os crentes do NT, um sinal da parte de Deus para evidenciar o batismo no Espírito Santo (ver 2.4; 10.45-47; 19.6). Esse padrão bíblico para o viver na plenitude do Espírito continua o mesmo para os dias de hoje.

O VERDADEIRO FALAR EM LÍNGUAS. (1) As línguas como manifestação do Espírito. Falar noutras línguas é uma manifestação sobrenatural do Espírito Santo, i.e., uma expressão vocal inspirada pelo Espírito, mediante a qual o crente fala numa língua (gr. glossa) que nunca aprendeu (2.4; 1Co 14.14,15). Estas línguas podem ser humanas, i.e., atualmente faladas (2.6), ou desconhecidas na terra (cf. 1Co 13.1). Não é “fala extática”, como algumas traduções afirmam, pois a Bíblia nunca se refere à “expressão vocal extática” para referir-se ao falar noutras línguas pelo Espírito.

(2) Línguas como sinal externo inicial do batismo no Espírito Santo. Falar noutras línguas é uma expressão verbal inspirada, mediante a qual o espírito do crente e o Espírito Santo se unem no louvor e/ou profecia. Desde o início, Deus vinculou o falar noutras línguas ao batismo no Espírito Santo (2.4), de modo que os primeiros 120 crentes no dia do Pentecoste, e os demais batizados a partir de então, tivessem uma confirmação física de que realmente receberam o batismo no Espírito Santo (cf. 10.45,46). Desse modo, essa experiência podia ser comprovada quanto a tempo e local de recebimento. No decurso da história da igreja, sempre que as línguas como sinal foram rejeitadas, ou ignoradas, a verdade e a experiência do Pentecoste foram distorcidas, ou totalmente suprimidas.

(3) As línguas como dom. Falar noutras línguas também é descrito como um dos dons concedidos ao crente pelo Espírito Santo (1Co 12.4-10). Este dom tem dois propósitos principais: (a) O falar noutras línguas seguido de interpretação, também pelo Espírito, em culto público, como mensagem verbal à congregação para sua edificação espiritual (1Co 14.5,6,13-17). (b) O falar noutras línguas pelo crente para dirigir-se a Deus nas suas devoções particulares e, deste modo, edificar sua vida espiritual (1Co 14.4). Significa falar ao nível do espírito (14.2,14), com o propósito de orar (14.2,14,15,28), dar graças (14.16,17) ou cantar (14.15; ver 1Co 14 notas; ver o estudo DONS ESPIRITUAIS PARA O CRENTE).

OUTRAS LÍNGUAS, PORÉM FALSAS. O simples fato de alguém falar “noutras línguas”, ou exercitar outra manifestação sobrenatural não é evidência irrefutável da obra e da presença do Espírito Santo. O ser humano pode imitar as línguas estranhas como o fazem os demônios. A Bíblia nos adverte a não crermos em todo espírito, e averiguarmos se nossas experiências espirituais procedem realmente de Deus (ver 1Jo 4.1 nota).

(1) Somente devemos aceitar as línguas se elas procederem do Espírito Santo, como em 2.4. Esse fenômeno, segundo o livro de Atos, deve ser espontâneo e resultado do derramamento inicial do Espírito Santo. Não é algo aprendido, nem ensinado, como por exemplo instruir crentes a pronunciar sílabas sem nexo.

(2) O Espírito Santo nos adverte claramente que nestes últimos dias surgirá apostasia dentro da igreja (1Tm 4.1,2); sinais e maravilhas operados por Satanás (Mt 7.22,23; cf. 2Ts 2.9) e obreiros fraudulentos que fingem ser servos de Deus (2Pe 2.1,2).

(3) Se alguém afirma que fala noutras línguas, mas não é dedicado a Jesus Cristo, nem aceita a autoridade das Escrituras, nem obedece à Palavra de Deus, qualquer manifestação sobrenatural que nele ocorra não provém do Espírito Santo (1 Jo 3.6-10; 4.1-3; cf. Gl 1.9 nota; Mt 24.11-24, Jo8.31). Fonte: (BEP)

EVOLUÇÃO DA EDUCAÇÃO

A EVOLUÇÃO DA EDUCAÇÃO

Antigamente se ensinava e cobrava tabuada, caligrafia, redação, datilografia. ..
Havia aulas de Educação Física, Moral e Cívica, Práticas Agrícolas, Práticas Industriais e cantava-se o Hino Nacional, hasteando a Bandeira Nacional antes de iniciar as aulas...
Leiam o relato de uma Professora de Matemática:

Semana passada, comprei um produto que custou R$ 15,80. Dei à balconista R$ 20,00 e peguei na minha bolsa 80 centavos, para evitar receber ainda mais moedas. A balconista pegou o dinheiro e ficou olhando para a máquina registradora, aparentemente sem saber o que fazer.
Tentei explicar que ela tinha que me dar 5,00 reais de troco, mas ela não se convenceu e chamou o gerente para ajudá-la.
Ficou com lágrimas nos olhos enquanto o gerente tentava explicar e ela aparentemente continuava sem entender.
Por que estou contando isso?
Porque me dei conta da evolução do ensino de matemática desde 1950, que foi assim:
1. Ensino de matemática em 1950: Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção é igual a 4/5 do preço de venda.
Qual é o lucro?
2. Ensino de matemática em 1970: Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção é igual a 4/5 do preço de venda ou R$ 80,00. Qual é o lucro?
3. Ensino de matemática em 1980: Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção é R$ 80,00.
Qual é o lucro?
4. Ensino de matemática em 1990: Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção é R$ 80,00.
Escolha a resposta certa, que indica o lucro:
(  )R$ 20,00 (  )R$ 40,00 (  )R$ 60,00 (  )R$ 80,00 (  )R$ 100,00
5. Ensino de matemática em 2000:
Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00. 
O custo de produção é R$ 80,00.
O lucro é de R$ 20,00.
Está certo?
(  )SIM (  ) NÃO
6. Ensino de matemática em 2009: Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção é R$ 80,00.
Se você souber ler, coloque um X no R$ 20,00.
(  )R$ 20,00 (  )R$ 40,00 (  )R$ 60,00 (  )R$ 80,00 (  )R$ 100,00
7. Em 2011 vai ser assim: Um lenhador vende um carro de lenha por R$ 100,00.
O custo de produção é R$ 80,00.
Se você souber ler, coloque um X no R$ 20,00.
(Se você é afro descendente, especial, indígena ou de qualquer outra minoria social não precisa responder).
(  )R$ 20,00 (  )R$ 40,00 (  )R$ 60,00 (  )R$ 80,00 (  )R$ 100,00


E se um moleque resolver pichar a sala de aula e a professora fizer com que ele pinte a sala novamente, os pais ficam enfurecidos pois a professora provocou traumas na criança.
- Essa pergunta foi vencedora em um congresso sobre vida sustentável:
Todo mundo está 'pensando'
em deixar um planeta melhor para nossos filhos...
Quando é que se 'pensará'
em deixar filhos melhores para o nosso planeta?"
Passe adiante!
Precisamos começar JÁ!

Att,

Lizandra Donatto
Crédito 3A Finanças e comunicações (69) 3223.6060/7070

quinta-feira, 14 de abril de 2011

O QUE É BATISMO COM ESPIRÍTO SANTO

Texto Básico Lc.24.49

 

O QUE É BATISMO NO ESPIRITO SANTO?
1º - É uma Promessa do Pai
Lc. 24. 49 E eis que sobre vós envio a promessa de meu Pai; ficai, porém, na cidade de Jerusalém, até que do alto sejais revestidos de poder. cf. At.1.8

Joel 2.28-29
O batismo no Espírito Santo é o cumprimento da promessa do Pai
Deus fez para o homem mais de 8.000 promessas o Batismo é uma delas

2º - É Um Revestimento De Poder
Lc.24. 49 E eis que sobre vós envio a promessa de meu Pai; ficai, porém, na cidade de Jerusalém, até que do alto sejais revestidos de poder.

3º - É Uma Necessidade  
At.16.2 disse-lhes: Recebestes vós já o Espírito Santo quando crestes? E eles disseram-lhe: Nós nem ainda ouvimos que haja Espírito Santo.
At.16.3 Perguntou-lhes, então: Em que sois batizados, então? E eles disseram: No batismo de João.
At.16.4 Mas Paulo disse: Certamente João batizou com o batismo do arrependimento, dizendo ao povo que cresse no que após ele havia de vir, isto é, em Jesus Cristo.
At.16.5 E os que ouviram foram batizados em nome do Senhor Jesus.
At.16.6 E, impondo-lhes Paulo as mãos, veio sobre eles o Espírito Santo; e falavam línguas e profetizavam.
At.16.7 Estes eram, ao todo, uns doze varões.

4º - É O Selo da Promessa
Ef. 1. 13 em quem também vós estais, depois que ouvistes na palavra da verdade, o evangelho da vossa salvação; e, tendo nele também crido, fostes selados com o Espírito Santo da promessa; cf Jo. 6.27 cf.

-       selo fala de propriedade – Jesus Sela a Propriedade que comprou
-       selo fala de autenticidade – Um Documento Selado tem um valor
-       selo fala de proteção – Por parte daquele que o Selou

O que é o Batismo ?
Ser batizado no Espírito Santo significa experimentar a plenitude do Espírito. É um ato de Deus pelo qual o Espírito Santo vem sobre o crente e o enche plenamente. 

COMO RECBER O BATISMO COM O ESPIRITO SANTO?
1º - Eu Preciso Ser Crente, Salvo
Jo. 3.3 Jesus respondeu e disse-lhe: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo não pode ver o Reino de Deus.

2º - Eu Preciso Ser Obediente
At. 5.32 E nós somos testemunhas acerca destas palavras, nós e também o Espírito Santo, que Deus deu àqueles que lhe obedecem

3º - Eu Preciso Pedir, Buscar
Lc. 11.13 Pois, se vós, sendo maus, sabeis dar boas dádivas aos vossos filhos, quanto mais dará o Pai celestial o Espírito Santo àqueles que lho pedirem? cf. At. 1.13-14

4º - Eu Preciso Crer Como Diz as Escrituras
Jo. 7. 38 Quem crê em mim, como diz a Escritura, rios de água viva correrão do seu ventre.
Jo.7.39 E isso disse ele do Espírito, que haviam de receber os que nele cressem; porque o Espírito Santo ainda não fora dado, por ainda Jesus não ter sido glorificado. cf. Hb. 11.6

5º - Eu Preciso Orar

At. 1. 14 Todos estes perseveravam unanimemente em oração e súplicas, com as mulheres, e Maria, mãe de Jesus, e com seus irmãos.

6º - E Jesus Que Batiza
Mt 3.11“E eu, em verdade, vos batizo com água, para arrependimento; mas aquele que vem após mim é mais poderoso do que eu; cujas alparcas não sou digno de levar; ele vos batizará com Espírito Santo, e com fogo Jo.1.33

quarta-feira, 13 de abril de 2011

FHC lança portal para discutir papel da oposição

FHC lança portal para discutir papel da oposição

Francisco Weffort, Soninha Francine, Gustavo Franco, Pedro Abramovay e Paulo Renato Souza devem colaborar com iniciativa

O movimento capitaneado pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso de refundar a oposição ao governo federal ganhará um braço digital a partir de junho. Com a contribuição de tucanos e intelectuais, o ex-presidente organiza o lançamento de uma comunidade virtual para a discussão de propostas políticas e econômicas para o Brasil.
 
Divulgação
FHC
FHC, que lança portal para discutir papel da oposição
O portal que pretende adotar um padrão de rede social, com a extensão de conteúdos para o Twitter e Facebook, tem a meta de reunir até um milhão de usuários e deve contar com um amplo time de blogueiros. Até o momento, foram convidados para colaborar com a iniciativa Francisco Weffort, Soninha Francine, Gustavo Franco, Pedro Abramovay e Paulo Renato Souza, entre outros.

O ex-deputado federal Xico Graziano, assessor do ex-presidente, tem idealizado o projeto que, segundo ele, vai receber o nome de Observador Político e terá como mote o princípio de acompanhar, participar e espalhar a informação. O lançamento oficial do site está programado para 18 de junho, dia em que o ex-presidente completa 80 anos, mas ele deverá entrar no ar em maio.

"O objetivo é oferecer uma plataforma para a discussão de temas atuais, partindo do ponto de que essa discussão é feita pouco pelos partidos políticos. Ela será aberta, transparente e apartidária, como em qualquer rede social. É um convite para que as pessoas criem páginas, discutam e se tornem observadores", explicou Graziano, complementando que o papel atual da oposição deve ser um dos temas discutidos na nova rede. "A ideia é aproximar temas atuais, como a discussão sobre a democracia e a questão das drogas, da juventude, promovendo um debate amplo entre gerações", acrescentou.

O portal surge num momento em que é discutido o futuro do PSDB. No centro do debate, há a tese de criação de um conselho político no partido, instância formada por líderes da sigla, sem funções administrativas, para discutir a atuação nacional da legenda. Uma outra teoria sugerida, e defendida inclusive pelo governador Geraldo Alckmin, é sobre a implantação de um rodízio anual para o comando nacional da agremiação.

Entre as propostas, o ex-presidente sugeriu em artigo divulgado na terça-feira, para a revista Interesse Nacional, que a oposição se aproxime da classe média e pare de disputar com o PT a influência sobre o "povão", opinião que gerou comentários tanto positivos como negativos de membros do PSDB.
(Com Agência Estado)
FHC